31.10.07

A liberdade é a minha religião





Ser-se livre é, inquestionavelmente, o maior de todos os bens. Devemos estar gratos por viver numa época em que podemos dizer o que pensamos quanto tal nos apraz, podemos expressar a nossa individualidade, podemos ser diferentes, iguais ou assim-assim. Sim, talvez nem sempre se respeite o conceito da liberdade pessoal. Mas seguramente só o faz quem nunca sentiu a sua falta… por sorte ou por pequenez de espírito.

27.10.07

Não faço ideia!


Não faço ideia porque é que a vida de algumas pessoas corre linear enquanto a de outras é uma autêntica montanha russa. Será só uma questão de personalidade, de viver-se as coisas intensamente querendo sempre extraír-lhes algum significado? Será karma, alguma lição a aprender? Será o destino? Será o acaso? Será Deus?

Mais uma vez, não sei o que significa a transposição de tantas fases, de tantos sítios, de tantas pessoas... no entanto, também não existe monotonia. Valha-nos isso!

Celeste

24.10.07

Há tanto tempo...

Para ser sincera, há muito tempo que não vinha aqui e até pensava que se tinha apagado sozinho. Felizmente não, até porque como estou entre empregos tenho muuuitooo tempo para desvaneios.