29.5.08

À espera do Verão...


Da luz que invade os dias. Do mar, da brisa suave, das longas noites amenas. Do calor acariciando-me a pele. De ti.

2 comentários:

Sofia disse...

Oh Celeste, estou contigo!

Sou uma rapariga encalorada, que até não me dou muito bem com temperaturas a cima dos 35º, mas esta chuva e frio no fim de Maio está a deprimir-me mais que o normal! Continuando assim ainda corto os pulsos!

E a roupa fresca, alegre, nova, que já comprei e está ali fechada no armário...

Angelo disse...

Tambem tenho saudades disso. E tenho umas saudades imensas de me passear por Evora, ao final de um dia de verao, quando a cidade e invadida pelo cheiro do feno trazido por uma brisa vinda dos campos.Quando o sol vai ja em direccao ao chao.

O verao aqui e tao diferente...