8.9.08

A conversa do lugar!


Quando eu era novinha, assim mesmo no início da adolescência, a minha avó e a minha mãe falavam muitas vezes na virtude de se "saber ocupar o lugar".

Bla, bla, bla, mas "tu vê lá, menina! É muito feio uma pessoa não saber ocupar o seu lugar, ouviste?"
"Ai mas que chatas, que aborrecidas!- pensava a jovem Celeste- e também que estupidez! Como se fosse possível não ocuparmos o nosso lugar... só se fossemos o homem-invísivel. Então se estavamos no nosso corpo?! Adultos, tss, tss!


Anos e anos depois, acho que entendo perfeitamente ao que se referiam...

1 comentários:

Paula disse...

Acho que também entendo mas, há muita gente que nunca aprendeu!!!!
:)
Bjs!